Acessibilidade
Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página Principal > Notícias > Atuação de militares também beneficia idosos e instituições de acolhimento
Início do conteúdo da página

Atuação de militares também beneficia idosos e instituições de acolhimento

Publicado: Sexta, 22 de Maio de 2020, 15h05

Brasília (DF), 22/05/2020 - Desde a deflagração da Operação COVID-19, os militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica participam em todo o território nacional de diversas atividades de desinfecção de locais públicos, montagem de leitos de campanha, transporte logístico de materiais, entre outras. Mas as ações dos mais de 34 mil homens e mulheres das Forças Armadas têm beneficiado também parcela da população que grupo de risco diante da ameaça da pandemia causada pelo novo Coronavírus: os idosos. De 20 de março até aqui, o Ministério da Defesa levou ações de higienização, imunização e entretenimento para essa parcela da sociedade.

Na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, o Comando Conjunto Leste empregou militares da Marinha e do Exército para descontaminar o Complexo de Abrigos Stella Mares. Durante a ação, o Centro Tecnológico do Corpo de Fuzileiros Navais da Força Marítima entregou 500 máscaras descartáveis e a 1ª Divisão de Exército doou uma tonelada de alimentos. Ainda, uma banda de música militar animou os moradores do local. No mesmo Estado, a mesma atividade ocorreu no abrigo Santa Luzia. Durante a desinfecção, os idosos receberam doações de alimentos e assistiram à apresentação musical.

Doações

As instituições que cuidam da população idosa vulnerável também foram beneficiadas com doações de gêneros alimentícios e produtos de higiene. Cerca de quatro toneladas de alimentos e produtos de higiene foram entregues por meio do 38º Batalhão de Infantaria a instituições de Vila Velha, Espírito Santo. Em Minas Gerais, foram 10 toneladas arrecadadas pela 4ª Região Militar do Exército a hospitais, instituições religiosas, lares de idosos, escolas e instituições carentes do Estado. "As Forças Armadas sempre estão nos momentos difíceis da população, cuidando da população, dos idosos do País dele, não só para momentos de guerra, mas também para a paz", disse Lúcia Helena, representante da instituição Lar Recanto Feliz, na capital mineira.

No Rio Grande do Sul, no município de Bagé, o 3º Batalhão Logístico e a Confraria Eternos Militares do 3º B Log arrecadaram donativos para a Fundação Geriátrica José e Auta Gomes e para a Vila Vicentina Sociedade São Vicente de Paula. A campanha resultou em 800 kg de alimentos e 200 kits de higiene para os idosos das duas instituições.

Vacinação

Militares também atuam na campanha de vacinação contra gripe (H1N1) para idosos, como no Hospital de Aeronáutica de Belém (HABE), no Pará. Em Santo Ângelo, município gaúcho, no sistema de imunização drive-thru, centenas de idosos foram atendidos em parceria com a Prefeitura, evitando que os atendidos saíssem de seus veículos.

Operação COVID-19

O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à COVID-19. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando Aeroespacial (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

esta imagem não possui descrição

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas poderão ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determinará a melhor forma de atendimento.

Por Tenente Felipe Bueno, com informações dos Comandos Conjuntos
Fotos: divulgação Forças Armadas

Para acessar fotos da Operação COVID-19, visite o Flickr da Operação.

Saiba mais:
Após 60 dias de operação, Forças Armadas se mantêm atuantes no combate à Covid-19
Além de arrecadar alimentos, Forças Armadas distribuem refeições à população
Controle da Operação Covid-19 exige planejamento criterioso

Confira os destaques da semana:

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa
(61) 3312-4071

registrado em:
Fim do conteúdo da página