Acessibilidade
Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página Principal > Notícias > Militares brasileiros participam de operação de recaptura de 76 fugitivos no Haiti
Início do conteúdo da página

Militares brasileiros participam de operação de recaptura de 76 fugitivos no Haiti

Publicado: Terça, 19 de Agosto de 2014, 17h31

Porto Príncipe (Haiti), 19/08/2014 – O Batalhão de Infantaria de Força de Paz (Brabat 20), unidade brasileira que atua na Missão das Nações Unidas de Estabilização do Haiti (Minustah), realizou juntamente com a polícia do país caribenho a Operação Canguçu. O objetivo da ação, feita no fim de semana, foi recapturar presos que haviam fugido do Presídio Crois-des-Bouquets na semana anterior.

A ação consistiu em cerco à região de Belekou, em Cité Soleil, logo nas primeiras horas do dia 16/08. Com isso, a Polícia Nacional Haitiana pode agir com segurança e evitar que os presos fugissem da investida. Foram detidos cerca de 76 suspeitos, devidamente encaminhados para a Comissaria de Cité Soleil.

Inspeção logística

O Contingente Brasileiro no Haiti, constituído pelo Brabat e pela Companhia Brasileira de Engenharia de Força de Paz (Braengcoy), recebeu visita de orientação técnica na área de logística.

A viagem, que aconteceu no período de 12 a 16 de agosto, teve por finalidade realizar inspeções nas bases brasileiras no Haiti e orientar na resolução de desafios do setor nas operações de paz.

A comitiva foi chefiada pelo chefe do Comando Logístico do Exército, general Marco Antonio de Farias. Na ocasião disse: “Não posso deixar de exprimir o meu orgulho profissional de reencontrar uma tropa do Exército Brasileiro, cumprindo missão real, a centenas de quilômetros do território nacional”.

Os militares inspecionaram o estado sanitário da tropa, inauguraram um laboratório para inspeção de alimentos e ficaram a par das novas demandas de apoio logístico que surgem no país caribenho.

A delegação participou, também, de homenagem aos brasileiros mortos no terremoto de 2010, que aconteceu no país caribenho. Em seguida, o Force Commander da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (Minustah), general José Luiz Jaborandy Junior, atualizou os visitantes sobre a conjuntura política em que está inserido o trabalho desenvolvido na missão.

Informações e Fotos: ComSoc Brabat 20
Assessoria de Comunicação
Ministério da Defesa
61 3312-4071

registrado em:
Fim do conteúdo da página