Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está em: Página inicial > Notícias > Ministro Jungmann recebe parlamentares de Rondônia e Goiás
Início do conteúdo da página

Ministro Jungmann recebe parlamentares de Rondônia e Goiás

Publicado em Quarta, 15 Março 2017 19:01 | Última atualização em Quarta, 15 Março 2017 19:21

Brasília, 15/03/2017 – A importância do Programa Calha Norte foi o tema central da audiência do ministro da Defesa, Raul Jungmann, com parlamentares do estado de Rondônia. Hoje pela manhã, o senador e ex-governador Ivo Cassol (PP), e os deputados federais Nilton Capixaba (PTB), Luiz Cláudio (PR), Marcos Rogério (DEM) e Luiz Mosquini (PMDB) vieram relatar os benefícios trazidos para municípios de parte da região Norte do Brasil.

Foto: Sgto Manfrim/MD

À noite, Jungmann concedeu audiência ao deputado Alexandre Baldy (PTN-GO), que acompanhado de assessores conversou sobre a experiência do militar temporário nas Forças Armadas. Na conversa, Baldy defendeu o aproveitamento destes militares ao término do contrato de trabalho em outros setores da segurança pública e privada.

Foto:Tereza Sobreira/MD

Calha Norte

Criado em 1985 pelo governo federal, o  Calha Norte tem como objetivo principal a manutenção da soberania da Amazônia, contribuindo com a promoção de seu desenvolvimento ordenado e sustentável.

O programa, entretanto, transcende em muito o aspecto de vigilância. Sob a coordenação do Ministério da Defesa, e com intensa participação das Forças Armadas, o Calha Norte busca atender às carências vividas pelas comunidades locais, por meio da realização de obras estruturantes, como a construção de rodovias, portos, pontes, escolas, creches, hospitais, poços de água potável e redes de energia elétrica.

Essas ações, realizadas por intermédio de convênios com estados e prefeituras, têm alcance social basilar para as populações da região Amazônica – que reúnem hoje cerca de 8 milhões de pessoas, incluindo 30% da população indígena brasileira. E são tidas como vitais para a fixação da população amazônica em suas comunidades, evitando o esvaziamento demográfico e a prática de atividades ilícitas na área.

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa
61 3312-4071

Fim do conteúdo da página